• Categoria:
    como lavar carros profissionalmente
  • Como fazer lavagem a seco de veículos em casa?

    Como fazer lavagem a seco


    Mais do que fazer bem ao meio ambiente, a lavagem a seco pode superar a convencional muito além do que a maioria das pessoas imaginam, tanto em economia, como em eficiência. Porém alguns cuidados devem ser considerados, para não prejudicar a pintura. E hoje, você vai aprender como fazer lavagem a seco e deixar o seu veículo com um acabamento estético incrível, sem desperdiçar água.


     A lavagem a seco em automóveis tem se tornado a cada dia, a opção mais econômica para o bolso do brasileiro. Ela é também considerada uma saída para ajudar o meio ambiente desde 2014, quando inúmeras cidades do país enfrentaram grandes problemas com o abastecimento de água. 


    Dependendo do procedimento executado e do tamanho do veículo, a lavagem convencional pode consumir mais de 500 litros de água, enquanto o procedimento a seco gasta menos de 1 litro.


    https://sun.eduzz.com/70502?a=970135Além da lavagem a seco ser um processo simples de aplicar, ela também pode contribuir para sua economia de tempo e dinheiro. Para aplicar o procedimento, é necessário adquirir apenas três itens importantes: um borrifador, panos de microfibra e o flotador (shampoo para lavagem a seco).

    Como aplicar: 








    Misture o shampoo de lavagem a seco a uma pequena quantidade de água, obedecendo a proporção indicada pelo fabricante. “Normalmente, para carros pequenos e médios basta diluir o produto em 350 ml de água. Para veículos grandes é possível diluir em 500 ml”, instrui o diretor de treinamentos, Renato Gouvêa da RGolden - Escola de Cursos Automotivos.


    O primeiro passo do procedimento, vai retirar o acúmulo de sujeira que está sobre o veículo. Aplique o shampoo diluído em água com o borrifador, nas partes do veículo e em seguida, utilize o pano de microfibra e com movimentos apenas em sentido único (na vertical ou na horizontal), para remover a camada que se formou do produto com a sujeira. Não faça movimentos em vai e vem, nem movimentos circulares - isso evitará que a sujeira risque a pintura.


      

     

    Vale ressaltar que após terminar um movimento de remoção do produto, não se deve reutilizar o mesmo lado do pano, para realizar outro movimento de remoção. Então, dobre o pano em quatro e troque o lado da dobra ao término de cada passada, assim será possível utilizar o mesmo pano por 8 vezes e também reduzirá as chances de riscar a pintura.
     
    Devido ao acúmulo de sujeira nas rodas ser maior, elas devem sempre ficar por último no processo de lavagem à seco.   Após limpar o veículo totalmente, vá para o segundo passo, que vai dar o tão desejado brilho na carroceria e valorizar o acabamento estético. Aplique o produto diluído novamente nas partes limpas e agora com movimentos circulares, remova-o utilizando outro pano de microfibras.   

    Tabus





    https://sun.eduzz.com/268806?a=970135Diferente do que a maioria das pessoas pensam, a lavagem a seco não danifica a pintura se executada da maneira correta.

    “Isso não passa de um mito. Em lavagens convencionais, a chance de riscar a pintura do carro é muito maior”, diz William Marques, proprietário da empresa Lave Mais - Limpeza a Seco, “A situação ficou pior agora que esses estabelecimentos são obrigados a utilizar água de reuso, pois as impurezas não são retiradas - e são justamente elas que causam os riscos.” - explica.




    Porém, se você já ouviu dizer que em veículos com muita sujeira acumulada não se pode aplicar lavagem a seco, essa informação está correta - exatamente porque a pintura sofrerá danos, se houver sujeira em excesso sobre a carroceria. “A limpeza a seco é indicada apenas para baixa e média intensidade”, afirma Gouvêa, da Rgolden.






    Em contrapartida, na lavagem a seco, leva cerca de 30 minutos apenas para lavar todo o veículo, aproximadamente o mesmo tempo de uma lavagem convencional, mas economizando muitos litros de água e com menos bagunça.